Publicidade

Estado de Minas SAúDE

Quem não se vacinou contra a gripe em BH terá mais tempo

A Prefeitura de Belo Horizonte prorrogou a campanha nacional de imunização contra o Influenza


postado em 26/05/2017 08:56

A campanha de vacinação contra a gripe Influenza foi prorrogada para o dia 2 de junho em Belo Horizonte. Segundo a secretaria municipal de Saúde, até o momento, 568.722 pessoas receberam a vacina na capital mineira, o que representa 69% do público prioritário. A meta do Ministério da Saúde é imunizar 90% da população alvo.

Vale lembrar que a vacina contra a gripe provocada pelos vírus da Influenza é trivalente e imuniza contra três tipos do micro-organismo (H1N1, H3N2 e vírus Influenza B).

Neste ano, os professores foram incluídos no grupo prioritário para receber a vacina. Entretanto, a procura está baixa, com apenas 42,6% de cobertura. Outro grupo que apresenta baixa cobertura são as crianças, com 49,7%, seguido pelas gestantes com 52,5%. O público prioritário que deve receber a vacina é formado por pessoas acima de 60 anos; crianças de 6 meses a 4 anos de idade; trabalhadores de saúde; gestantes; puérperas (até 45 dias após o parto); portadores de doenças crônicas; pessoas privadas de liberdade; e professores do ensino básico e superior de escolas públicas e privadas.

De acordo com a Prefeitura de Belo Horizonte (PBH), em 2017, foram notificados 59 casos de Influenza em Belo Horizonte, sendo que 45 do tipo H3N2, o vírus que está com maior circulação em todo o país neste ano. Até o momento, foram cinco óbitos causados pelo vírus, todos positivos para H3N2.

A vacina é a principal forma de prevenção, pois diminui a circulação do vírus. Evitar ambientes fechados com pouca circulação do ar; lavar bem as mãos; e ao tossir, usar o antebraço para tampar a boca; também ajudam a diminuir o risco de transmissão da Influenza.

A vacina está disponível nos centros de saúde de Belo Horizonte.

(com assessoria de imprensa da PBH)

Os comentários não representam a opinião da revista e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade