Tenistas mineiros se destacam no mundo

Um dos grandes nomes do tênis brasileiro é o mineiro Marcelo Melo, primeiro lugar do ranking de duplas da ATP

por Encontro Digital 27/07/2017 13:56

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Marcello Zambrana/CBT/Divulgação
Ao lado do polonês Lukasz Kubot, o tenista mineiro Marcelo Melo ocupa o primeiro lugar no ranking mundial de duplas da ATP (foto: Marcello Zambrana/CBT/Divulgação)
Em meados de julho, o Brasil comemorou a vitória do tenista mineiro Marcelo Melo na disputa de duplas do aberto de Wimbledon, na Inglaterra, a mais tradicional competição do tênis mundial. Ao lado do polonês Lukasz Kubot, o brasileiro ocupa, agora, o primeiro lugar no ranking mundial de duplas da ATP.

No ano passado, com patrocínio do governo de Minas, por meio da Codemig, e com o apoio da secretaria de estado de Esportes, Marcelo Melo e Bruno Soares, outro mineiro que é destaque no cenário internacional do tênis, estiveram em ação na arena do Minas Tênis Clube, em Belo Horizonte, quando bateram o Equador em partidas válidas pela Copa Davis, a copa do mundo da modalidade.

Enquanto isso, no tênis em cadeira de rodas, a Seleção Brasileira há muito conta com integrantes mineiros para as disputas das quais participa. Daniel Rodrigues e Rafael Medeiros estiveram nos Jogos Olímpicos de Londres em 2012 e na Rio 2016, além de edições dos Jogos Parapan-Americanos.

No mês de maio deste ano, ao lado dos também mineiros Fábio Bernardes e Meirycoll Duval, eles contribuíram para que o Brasil fizesse história na Copa do Mundo de Tênis em Cadeira de Rodas com a melhor campanha de todos os tempos nos mundiais por equipes: o time masculino conquistou o sétimo lugar; o feminino, encerrou a disputa na oitava posição; já na categoria júnior, Fábio Bernardes e o catarinense Jucélio Torquato conquistaram medalha de bronze.

Com o resultado, os brasileiros já garantiram vagas para os times masculino e feminino no mundial do ano que vem e não precisará disputar o qualificatório da América do Sul.

Antes disso, em março, Fábio Bernardes já havia conquistado medalha de ouro na disputa de duplas do torneio de tênis nos Jogos Parapan-Americanos Juvenis em São Paulo. Na disputa por simples, Fábio ficou com a prata.

Para Arnaldo Gontijo, secretário de estado de Esportes, a valorização de diferentes modalidades torna o esporte mineiro mais forte. "É muito bom saber que além do futebol, do vôlei, temos mineiros trazendo o tênis, modalidade que foi sucesso em um passado recente com Guga, de volta à cena. É motivo de muito orgulho para cada um de nós poder dizer que os grandes tenistas brasileiros no momento, são de Minas Gerais", diz Gontijo.

(com Agência Minas)

Últimas notícias

Comentários