Publicidade

Estado de Minas TECNOLOGIA

Doodle do Google homenageia o cantor do 'tro lo lo'

O barítono russo Eduard Khil faria 83 anos e é um dos principais memes da internet


postado em 04/09/2017 14:05

Quem está acessando a página principal do buscador Google nesta segunda, dia 4 de setembro, se depara com um Doodle diferente. O vídeo que substitui a logomarca do site é uma homenagem ao 83º aniversário do cantor russo Eduard Khil, que se tornou uma celebridade na internet depois que apareceu cantando uma música curiosa, sem letra, com o refrão "tro lo lo".

Gravada na década de 1970, a música Eu Estou Feliz por Finalmente Regressar em Casa era proibida de ser entoada na então União Soviética (URSS), e o barítono Eduard Khil decidiu interpretá-la a seu modo, com fonemas no lugar das palavras. Até então, ela não havia se tornado um sucesso mundial. Porém, em 2009, quando o vídeo da gravação original foi divulgado no YouTube, os internautas transformaram o "tro lo lo" em meme.

A canção verdadeira foi escrita pelo compositor soviético Arkady Ostrovsky, e falava sobre um caubói que passeava pelas pradarias do estado americano de Kentucky, enquanto sua amada estava em casa, costurando meias.

O barítono

Nascido em 4 de setembro de 1934, na cidade de Smolensk, na Rússia (então parte da União Soviética), Eduard Anatolyevich Khil acabou se tornando um dos principais artistas soviéticos entre as décadas de 1960 e 1970.

Eduard Khil chegou a ser condecorado pela URSS com o Prêmio de Artista do Povo devido à sua interpretação de Pora V Put-Dorogu (Hora de Seguir o Caminho, em tradução livre) – música criada para um filme de 1944 e que se tornou um hino do exército vermelho durante a conquista de Berlim, marco do final da II Guerra Mundial.

A carreira de Eduard Khil decaiu a partir dos anos 1990, mas foi "ressuscitado" em 2009 depois que ele virou uma webcelebridade e a música do "tro lo lo" ganhou inúmeras versões e formatos de memes.

Em 2012, o cantor e barítono sofreu um acidente vascular cerebral, tendo sido hospitalizado em São Petersburgo. Após alguns dias em coma, faleceu a 4 de julho, aos 77 anos de idade.

Abaixo, a homenagem do Google e a versão da música divulgada em 2009:


Os comentários não representam a opinião da revista e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade