Apesar de estar na moda, aplicativo Kueez traz riscos para o usuário

O app mostra como a pessoa seria se fosse do sexo oposto, mas acaba acessando suas informações pessoais

por João Paulo Martins 20/02/2018 13:49

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Kueez.com/Reprodução
Apesar de ser engraçado usar o aplicativo Kueez para ver como você seria se fosse do sexo oposto, ele pode roubar várias de suas informações pessoais no Facebook (foto: Kueez.com/Reprodução)
Uma nova "moda" no Facebook é usar o aplicativo chamado Kueez para ver como a pessoa seria se fosse do sexo oposto. Apesar de ser algo engraçado e divertido de compartilhar com os amigos, isso pode representar um risco para a segurança de suas informações pessoais.

Segundo matéria publicada pelo site Olhar Digital, especializado em tecnologia, o Kueez usa a plataforma do programa FaceApp, que oferece várias modificações nas imagens, como envelhecimento do rosto e acréscimo de sorriso, porém, ele acessa várias informações pessoais dos usuários no Facebook. Ao clicar e autorizar o app, você acaba "escancarando" sua rede social para ele. "Para descobrir isso, fomos analisar a política de privacidade do site Kueez, operado por uma empresa identificada como Yoto Media Group, onde há alguns pontos suspeitos que, se fossem apresentados de forma mais clara aos usuários, poderiam desencorajar o compartilhamento de informações por parte dos usuários", comenta o texto do Olhar Digital.

Para se ter uma ideia dos riscos de usar o Kueez, no site deles, dentro das Condições de Utilizações, a autorização do uso do aplicativo possibilita o acesso às informações pessoais e até aos arquivos de imagens hospedados na rede social criada por Mark Zuckerberg. "De acordo com o nosso Termo de Serviços, podemos usar o conteúdo enviado por você [incluindo suas fotos e de outras pessoas vinculadas à sua conta no Facebook] para aparecer como parte integral de partes dos serviços que oferecemos [por exemplo, sua foto pode aparecer em alguns quizzes ou games até mesmo para pessoas que você não conheça]", informa parte das "regras" do app.

Portanto, apesar de ser legal compartilhar com amigos uma foto mostrando como você ficaria se fosse do sexo oposto, é preciso ter cuidado com esse tipo de aplicativo, que oferece uma ferramenta atraente em troca de informações altamente vendáveis na internet.

Mas, como orienta o Olhar Digital, se você foi uma das diversas pessoas que usou o Kueez, ainda é possível minimizar os problemas, alterando as permissões do programa no Facebook. Para isso, basta acessar as configurações do perfil (símbolo de engrenagem) e clicar em Aplicativos. Neste local estão disponibilizados todos os apps que você usou na rede social. É possível alterar as permissões ou excluir totalmente.
Kueez.com/Reprodução
(foto: Kueez.com/Reprodução)

Últimas notícias

Comentários