Salas de cinema poderão ter de padronizar espaço entre a primeira fila e a tela

Projeto de lei quer estabelecer o padrão ABNT para esse espaçamento

por Encontro Digital 16/03/2018 14:16

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Pixabay
(foto: Pixabay)
Quem nunca passou por esta situação: ao comprar ingressos para uma sessão de cinema, acabam restando apenas as cadeiras que ficam muito perto da tela, o que dificulta a visualização do filme. Mas, isso pode mudar. Uma proposta em análise na Câmara dos Deputados obriga salas de cinema de todo o Brasil a respeitarem a distância mínima estabelecida pela Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) para o espaço entre a primeira fileira de poltronas e a tela de exibição.

De autoria do deputado federal Rômulo Gouveia (PSD-PB), o Projeto de Lei 8467, de 2017, estabelece que os estabelecimentos que exibem produções cinematográficas devem obedecer às normas da ABNT sobre aspectos físicos de salas de projeção.

"O objetivo é transformar as regras da ABNT em exigência legal, a fim de resguardar o direito do consumidor de poder desfrutar confortavelmente dos serviços ofertados pelo fornecedor", justifica Gouveia.

Tramitação

O projeto será discutido e votado, em caráter conclusivo, nas comissões de Defesa do Consumidor; de Desenvolvimento Econômico, Indústria, Comércio e Serviços; e de Constituição e Justiça e de Cidadania da Câmara. Se for aprovado sem mudanças, poderá seguir diretamente para o Senado.

(com Agência Câmara Notícias)

Últimas notícias

Comentários