Messi, Suárez e demais jogadores do Barcelona causam 'terremotos' na Catalunha

Um estudo científico registrou pequenos abalos sísmicos nas partidas do clube espanhol

por João Paulo Martins 20/04/2018 15:48

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Wikimedia/Ayman.antar7/Reprodução
Segundo um estudo feito na Espanha, as comemorações da torcida do Barcelona, no estádio Camp Nou, causariam pequenos terremotos na cidade (foto: Wikimedia/Ayman.antar7/Reprodução)
Pesquisadores do Instituto de Ciências da Terra Jaume Almera, da Espanha, realizaram um amplo estudo sobre os efeitos de abalos sísmicos em grandes cidades. Eles avaliaram como diversas atividades influenciam a sismologia dos centros urbanos, incluinto eventos culturais, como shows de rock e fogos de artifício, além de jogos de futebol. Curiosamente, os cientistas espanhois descobriram que o craque argentino Lionel Messi, em conjunto com os demais jogadores do Barcelona, são capazes de causar pequenos terremotos na cidade que dá nome ao clube, na Catalunha – onde fica o estádio Camp Nou –, toda vez que a equipe marca um gol. Ficou provado cientificamente que a vibração da torcida nos momentos de maior êxtase faz o chão tremer.

Para chegar a essa conclusão, os cientistas analisaram os efeitos de uma série de partidas do camisa 10. Eles descobriram que grande parte dos pequenos terremotos registrados nessa região autônoma da Espanha ocorreram durante os jogos do Barça. Os tremores mais intensos foram sentidos justamente nos momentos em que gols importantes foram marcados. Os resultados foram publicados no site da revista Nature.

"De 80 a 90 mil torcedores costumam comparecer nos jogos do Barcelona. Quando ocorre algo importante na partida, as pessoas se movem, e esse movimento gera vibrações que são transmitidas até o chão e, posteriormente, interceptadas pelo nosso instrumento. Parece um terremoto, mas, não é, necessariamente, um abalo sísmico", afirma Jordi Díaz, um dos responsáveis pelo estudo, em entrevista à agência russa de notícias Sputnik.

Um desses pequenos terremotos foi registrado no jogo da semi-final da Liga dos Campeões da Europa (Champions League), em 6 de maio de 2015, quando o Barcelona, que ainda contava com o craque brasileiro Neymar Jr., venceu o Bayern de Munique por 3 a 0. Os especialistas chegaram a publicar no artigo científico que, como os gols se concentraram nos 15 minutos finais da partida, foi possível até registrar um "abalo significativo" nesse período.

"As comemorações depois de gols de futebol, não excedendo 20 s, geram uma quantidade significativa de tremores, mas não são harmônicos", esclarecem os pesquisadores espanhois no estudo. "Podemos concluir que a sismologia urbana pode ser usada não só para discriminar as diferentes fontes de vibrações em ambientes urbanos, mas também para compreender melhor os múltiplos mecanismos que envolvem a geração do sinal sísmico, incluindo características tão diversas como variações do campo magnético, acoplamento acústico-mecânico ou ressonâncias em edifícios", completam.

(com Agência Sputnik)

Últimas notícias

Comentários