Japão é a primeira seleção a se classificar com 'fair-play'

Fifa passou a usar critério de cartões recebidos na Copa da Rússia

por Encontro Digital 28/06/2018 14:55

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
YouTube/FUTTV ONLINE/Reprodução
(foto: YouTube/FUTTV ONLINE/Reprodução)
Pela primeira vez numa Copa do Mundo, uma seleção passa para outra fase da competição pelo critério do "fair-play" (jogo limpo, em tradução livre), ou seja, devido ao número de cartões 9amarelos ou vermelhos) recebidos durante a fase de grupos. O Japão, mesmo perdendo para a Polônia por 1 a 0 (gol de Bednarek), foi beneficiado pela derrota do Senegal para Colômbia também por 1 a 0, na terceira rodada do Mundial da Rússia de 2018. O resultado classificou os colombianos, em primeiro lugar no grupo H, e deixou japoneses e senegaleses iguais em número de pontos ganhos e de saldo de gol.

A decisão para saber então quem passaria para as oitavas de final, como segundo do grupo, foi o critério do "fair-play". Com dois cartões amarelos a menos que Senegal, a classificação ficou com o Japão por ser a equipe mais disciplinada.

Pelas regras da Fifa, na fase de grupos, a classificação das seleções obedece os seguintes critérios, passando de um para outro, até que ocorra o desempate: maior número de pontos ganhos, contando três pontos por vitória, um por empate e zero por derrota; a maior diferença de gols, entre os gols feitos e os sofridos; e o maior número de gols marcados pela seleção.

Caso esses critérios não decidam, então serão considerados apenas os jogos entre as seleções ainda empatadas, obedecendo a mesma ordem de prioridade: maior pontuação; saldo de gols e o melhor ataque. Mesmo assim, caso duas seleções continuem iguais, tem uma última chance antes do sorteio. A partir da Copa da Rússia, a Fifa leva em consideração os cartões amarelos e vermelhos recebidos nos três jogos da primeira fase. Fica em melhor posição quem perder menos pontos.

Um cartão amarelo perde um ponto, dois amarelos, com consequente expulsão, perde três pontos; um cartão vermelho direto perde quatro pontos e, se um jogador receber um cartão amarelo e depois um vermelho, a seleção perde cinco pontos. Se nada disto resolver a Fifa realizará um sorteio para definir as posições dos empatados no grupo em questão.

Na fase de grupos, duas das quatro seleções são eliminadas e os dois melhores colocados seguem para as oitavas de final. E, a partir daí, se houver empate nos 90 minutos haverá uma prorrogação de 30 minutos. Caso ainda persista o empate, a decisão será a cobrança de tiros livres da marca do pênalti.

(com Agência Brasil)

Últimas notícias

Comentários