ONU lança campanha de aleitamento no Brasil

Organização Pan-Americana da Saúde alerta para a importância do leite materno

por Encontro Digital 27/07/2018 13:28

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Pixabay
(foto: Pixabay)
Depois do alerta feito pela Sociedade Brasileira de Pediatria no início de julho deste ano, reforçando a importância da ingestão exclusiva de leite materno até os 6 meses de vida, nesta sexta, dia 27 de juçho, a Organização Pan-Americana da Saúde (Opas), órgão vinculado à ONU, lança no Brasil a Campanha de Aleitamento Materno. A atriz Sheron Menezzes é madrinha da campanha e compareceu ao evento acompanhada do filho Benjamin, de 9 meses. "É importante para mim estar aqui, emprestando a nossa imagem e conscientizando pessoas. Amamento o Ben em qualquer lugar. Se meu filho tem fome, eu amamento. Não é vergonha não. É saúde para ele", comenta a artista à Agência Brasil.

No evento de lançamento, ao se dirigir para as mães que estavam presentes, Joaquín Molina, representante da Opas no Brasil, afirma que a amamentação é um dos gestos mais generosos que podem existir. "Nunca esse auditório esteve tão lindo como hoje. Elas trazem uma mensagem de vida, de saúde e de bem-estar", destaca Molina, que lembra que o aleitamento funciona como uma primeira vacina para o bebê, já que protege de doenças potencialmente perigosas. Entretanto, ele alerta que, nas Américas, pouco mais da metade das crianças é amamentada nas primeiras horas de vida, enquanto apenas 39% seguem mamando até os 2 anos.

"Amamentar é doar aquilo que é seu, que é gratuito, que é amor e que ajuda a salvar vidas", afirma Gilberto Occhi, ministro da Saúde.

(com Agência Brasil)

Últimas notícias

Comentários