Anatel registra queda no número de reclamações no primeiro semestre

Serviço de TV por assinatura teve a maior redução nas queixas

por Encontro Digital 08/08/2018 10:45

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Pixabay
(foto: Pixabay)
Segundo dados da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), o número de reclamações registradas no primeiro semestre deste ano caiu 15,6% em relação ao mesmo período do ano passado. De janeiro a junho de 2018 foram recebidas 1.493.000 reclamações nos canais de atendimento da Anatel. No ano passado foram 1.769.900 reclamações no primeiro semestre.

Vale lembrar que a agência reguladora atende solicitações relacionadas à telefonia fixa e móvel, à internet banda larga e ao serviço de TV por assinatura. No levantamento da Anatel, a telefonia móvel foi o serviço que mais recebeu reclamações (701.500) no semestre, o que corresponde a 46,9% do total.  A telefonia fixa recebeu 337.100 reclamações (22,5%); seguida pela banda larga fixa, com 246.700 reclamações (16,5%); e pela TV por assinatura, com 194.800 reclamações (13%).

A queda mais acentuada no número de queixas nos seis meses primeiros meses do ano, conforme a agência, foi registrada no serviço de TV por assinatura (redução de 20,4%). Por sua vez, a telefonia móvel registrou uma redução de 17,5% nas reclamações; a telefonia fixa registrou diminuição de 14,6%; e a banda larga fixa registrou decréscimo de 8,7%.

Operadoras

De acordo com a Anatel, no serviço de telefonia móvel, a empresa mais reclamada no primeiro semestre foi a Tim, que recebeu 280.100 reclamações. Na telefonia fixa, dentre as três principais operadoras (Net, Oi e Vivo), a empresa mais reclamada foi a Oi, com 171.100 reclamações.
Em relação à TV por assinatura, a Net e a Sky receberam o mesmo número de reclamações, mais de 70 mil cada uma. Quanto à banda larga fixa, dentre as três maiores empresas (Net, Oi e Vivo), a que obteve maior número de queixas foi a Oi, com 90 mil reclamações no semestre.

(com assessoria de imprensa da Anatel)

Últimas notícias

Comentários