Publicidade

Estado de Minas INTERNACIONAL

Conheça o 'pé grande' de verdade da Escócia

Escocês vive o drama de não ter calçados adequados, nem dinheiro para comprar sob medida


postado em 27/08/2018 08:52 / atualizado em 27/08/2018 08:59

O escocês David Henderson tem os pés tão grandes que não dá nem para converter para o tamanho usado no Brasil, ficando bem acima do número 50(foto: Thescottishsun.co.uk/Reprodução)
O escocês David Henderson tem os pés tão grandes que não dá nem para converter para o tamanho usado no Brasil, ficando bem acima do número 50 (foto: Thescottishsun.co.uk/Reprodução)
Um homem escocês criou uma campanha de financiamento coletivo para tentar resolver um problema bastante inusitado. De acordo com o jornal local The Scottish Sun, David Henderson, de 39 anos, afirma que não tem dinheiro para comprar sapatos porque seus pés são extremamente grandes.

Para se ter uma ideia do drama que Henderson vive, basta imaginar que ele calça 19, na escala de numeração padrão do Reino Unido. Não há como converter esse número para o tamanho equivalente do Brasil, pois, a maioria das escalas de conversão só vão até o 15, que corresponde a sapatos 48 em nosso país, ou seja, a mais de 30 cm de comprimento. Com isso, dá para se ter uma noção de como o escocês tem pés "gigantes", que passam – e muito – do tamanho 50, típico de jogadores de basquete.

Os tênis feitos sob medida para o tamanho dos pés de Henderson, segundo ele comentou ao The Scottish Sun, custam mais de duas mil libras (cerca de R$ 10 mil). Ele disse, ainda, que conseguiu um fabricante que tentou ajudá-lo, mas o melhor preço que conseguiu foi 1,5 mil libras (R$ 7,8 mil). Para aumentar o drama do "pé grande" da Escócia, o pai de família está desempregado e não consegue emprego justamente por conta de seus pés desproporcionais – ele possui "apenas" 1,88 m de altura.

David Henderson contou ainda ao jornal que comparece às entrevistas de emprego com roupas informais, que são as únicas que combinam com seus calçados, já que ele possui apenas um tênis, branco. "Não posso, sequer, comparecer com roupas formais, pois ficaria ridículo calçando tênis. Tem sido um pesadelo, pois nenhum dos empregadores acredita que eu não posso comprar os calçados", conta o escocês ao periódico.

Além de todo o drama que vive, o bullying também está presente na vida de Henderson. Segundo ele, muitas pessoas zombam constantemente de seus pés. "Eles dizem que eu tenho pés que parecem barcos ou bananas", lamenta o escocês ao The Scottish Sun. Sua namorada, Annie Jones, de 32 anos, também vive o sofrimento dele. "As pessoas riem dele, apontando e colocando apelidos, dizendo que seus pés parecem sapatos de palhaço", conta a moça à publicação.

Recorde

Apesar do caso inusitado doe scocês, o livro dos recordes Guinness Book registra como maiores pés do mundo os do venezuelano Jeison Orlando Rodríguez Hernández, que calça 59. Seu pé direito mede 41,1 cm e o esquerdo 36,6. Rodríguez possui 2,2 m de altura.

O recorde anterior era do turco Sultan Köser, que calça 57 e tem, impressionantes, 2,51 de altura, sendo, atualmente, o homem mais alto do mundo.

Rodríguez tem os maiores pés entre as pessoas vivas. Mas, os maiores já registrados na história foram os do americano Robert Wadlow, que calçava 73 e morreu em 1940, aos 22 anos.

Os comentários não representam a opinião da revista e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade