Publicidade

Estado de Minas CIDADE

Livro resgata a história e causos do campus da UFMG

Ex-vice-reitora homenageia o lugar que começou a ser construído na década de 1940, na Pampulha


postado em 30/04/2019 14:54 / atualizado em 30/04/2019 16:57

Série BH. A cidade de cada um está completando 15 anos e já homenageou bairros e lugares tradicionais da capital mineira
Série BH. A cidade de cada um está completando 15 anos e já homenageou bairros e lugares tradicionais da capital mineira
O campus da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) é quem protagoniza o 33º título da Coleção BH. A cidade de cada um. A obra, intitulada Campus UFMG, será lançada dia 11/04, a partir das 11h, na livraria Ouvidor, na Savassi. Quem ficou com a tarefa de dissecar as histórias e revelar os "causos" que tiveram o complexo na Pampulha como cenário é Heloisa Starling, professora titular-livre de História do Brasil, na UFMG. O livro será vendido a R$ 25.     
A professora, vice-reitora entre os anos de 2006 e 2010, começa o percurso lembrando a manhã do dia 3 de maio de 1946, data que marcou o início das obras em um terreno "inóspito", com "solo erodido" e "vegetação rala". "Trata-se de ambiente com o qual construí vasta intimidade.
Por isso, os ângulos, o percurso e a narrativa foram orientados por minhas escolhas afetivas", afirmou Heloisa, que faz questão também de traçar um paralelo com as ações de resistência que teve a conhecida "Federal", como personagem. "O que protege essas instituições", lembra a autora, "é a nossa capacidade de mobilizar as pessoas em sua defesa".
Campus Pampulha começou a ser construído em 1946 (foto: Foca Lisboa/Divulgação UFMG)
Campus Pampulha começou a ser construído em 1946 (foto: Foca Lisboa/Divulgação UFMG)
Durante os relatos do livro é destacado temas como a defesa da autonomia universitária; as decisões institucionais, o reitorado; os desafios do conhecimento; os traços da arquitetura e a simbologia de deus monumentos.
Autora da obra é professora de história e já foi vice-reitora entre 2006 e 2010
Autora da obra é professora de história e já foi vice-reitora entre 2006 e 2010
A obra marca os 15 anos da Série BH. A cidade de cada um, que já homenageou bairros e lugares tradicionais de Belo Horizonte como: Sagrada Família, Pampulha, Caiçara, Carmo, Centro, além da Rua da Bahia, Cine Pathé, Viaduto Santa Tereza e a Praça Sete.

Os comentários não representam a opinião da revista e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade