Publicidade

Estado de Minas TV

Rede Globo dispensa Maitê Proença mas mantém Regina Duarte e Vera Fischer

Em meio à crise, emissora carioca paga R$ 50 mil para as duas atrizes veteranas não fazerem nada


postado em 13/12/2016 17:57 / atualizado em 14/12/2016 07:49

Com o momento de crise econômica vivida no Brasil, as emissoras de televisão também estão "apertando os cintos". Por exemplo, o SBT/Alterosa não renovou o contrato com o apresentador Raul Gil e a TV Brasil dispensou a jornalista Leda Nagle, que estava há mais de 20 anos à frente do programa Sem Censura. Até a poderosa Rede Globo vem reduzindo suas contas. Desta vez, a emissora carioca dispensou Maitê Proença, de 58 anos, de seu quadro de atores e atrizes fixos. A partir de agora, ela só vai ganhar por contratos específicos para cada produção.

Segundo notícia publicada no blog KTV, da jornalista Keila Jimenez, apesar de a Globo ter dispensado Maitê por suposta contenção de despesas, a emissora ainda mantém em seu quadro fixo as atrizes Vera Fischer, que não aparece numa novela desde 2012, e Regina Duarte, que fez uma participação especial em A Lei do Amor, este ano. Elas recebem salário mesmo quando estão à toa.

Aliás, segundo Keila Jimenez, a Globo prefere pagar R$ 50 mil por mês para as duas atrizes veteranas não fazerem nada, do que dispensá-las e "correr o risco" de perdê-las para uma das emissoras concorrentes.

O blog de notícias da televisão revela ainda que o contrato da "vênus platinada" com Vera Fischer foi prorrogado até 2020 e com Regina Duarte também foi postergado, mas não se sabe até quando.

Os comentários não representam a opinião da revista e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade