Publicidade

Estado de Minas MúSICA

Hey Jude está celebrando 50 anos

Famosa composição dos Beatles ia se chamar 'Hey Jules', sabia?


postado em 27/08/2018 10:23 / atualizado em 27/08/2018 10:24

Há 50 anos, o cantor e compositor Paul McCartney escrevia Hey Jude, um dos grandes sucessos dos Beatles(foto: YouTube/TheBeatlesVEVO/Reprodução)
Há 50 anos, o cantor e compositor Paul McCartney escrevia Hey Jude, um dos grandes sucessos dos Beatles (foto: YouTube/TheBeatlesVEVO/Reprodução)
"Nah nah nah nah nah nah, nah nah nah, hey Jude". Impossível não cantar junto com o famoso refrão da música Hey Jude, lançada pela banda britânica Beatles há 50 anos. Mas, o que nem todos os fãs sabem é que a composição de Paul McCartney, originalmente, deveria se chamar "Hey Jules", em referência a Julian Lennon, filho de John Lennon e Cynthia Powell, que haviam acabado de se separar.

A canção, que viria a se tornar um "hino" entoado em todo o mundo, foi composta em junho de 1968, quando Paul McCartney visitou Cynthia e Julian Lennon, após John ter deixado a artista plástica britânica para viver com a pintora japonesa Yoko Ono. Sir Paul já explicou, em diversas entrevistas, que pensou na letra da música durante a viagem de carro após essa visita.

No estúdio, o nome da célebre canção foi alterado de "Jules" para "Jude", apenas por uma questão de sonoridade, de acordo com o ex-Beatles, que, hoje, está com 76 anos. "Soava melhor assim", explicou mais tarde Paul McCartney.%u200B O single foi lançado no dia 26 de agosto de 1968.

Apesar de ser considerada "longa", com seus sete minutos e onze segundos (um minuto a menos que Stairway to Heaven, do Led Zeppelin), a música logo figurou entre as 10 mais tocadas dos Estados Unidos. Hey Jude Foi a música dos Beatles que por mais vezes liderou o "top 10" nos EUA: foram nove semanas no total.

Depois do sucesso alcançado pela composição, alguns anos mais tarde, após o fim dos Beatles, John Lennon chegou a dizer que "Hey Jude é a melhor música do Paul".

Relembre o "sucesso cinquentenário" de Sir Paul:

Os comentários não representam a opinião da revista e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade