Açúcar pode afetar nossa capacidade de raciocínio, diz estudo

Os açúcares que mais afetam o cérebro são a sacarose e a glicose

por Encontro Digital 05/01/2018 08:13

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Pexels
(foto: Pexels)
Não é novidade dizer que a maioria das pessoas não resiste a um doce. Mas, também é sabido que consumir alimentos ricos em açúcar, especialmente do tipo industrializado, não faz nada bem para o organismo. Agora, cientistas da Universidade de Otago, na Nova Zelândia, descobriram que alguns tipos de açúcar podem afetar até nossa capacidade de raciocínio. O artigo com a descoberta foi publicado no periódico científico Physiology & Behaviour.

Os pesquisadores analisaram três tipos mais comuns de açúcar, usados na maioria dos doces: sacarose, glicose e frutose (açúcar da fruta) e adoçante artificial. Esses componentes básicos das guloseimas foram testados em 49 voluntários. Após a ingestão de açúcar, eles eram induzidos a responder alguns testes simples de matemática, envolvendo aritmética. O resultado da pesquisa mostrou que aqueles que haviam ingerido sacarose e glicose – as duas formas mais usadas de açúcar comum – tiveram os piores resultados.

"Nosso estudo revela que o chamado 'coma' provocado pelo açúcar é um mesmo um fenômeno real, ou seja, ocorre quando o nível de atenção diminui após a ingestão de glicose", afirma a cientista Mei Peng, autora da pesquisa neozelandesa.

Apesar da surpresa com o achado da pesquisa, Peng se mostra cautelosa, por ter sido uma análise preliminar: "Ainda são precisos novos estudos para entender como diferentes regiões do cérebro são afetadas após a ingestão de açúcar".

Últimas notícias

Comentários