Lentilhas podem ajudar a reparar os vasos sanguíneos obstruídos

Estudo feito no Canadá descobriu o benefício da leguminosa para quem sofre desse problema

por Vinícius Andrade 16/03/2018 09:18

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Pixabay
(foto: Pixabay)
O controle da pressão arterial é um dos passos fundamentais para prevenção de doenças do coração e acidentes vasculares cerebrais (derrames). Os cuidados devem ser redobrados, já que a hipertensão, na maioria dos casos, não apresenta sintomas e atua de forma "silenciosa". Por isso, alguns alimentos são apontados por especialistas como boas opções para evitar o problema. É o caso da lentilha, um grão de origem asiática e bastante tradicional nas mesas de Ano Novo dos lares no Brasil.

Um estudo realizado pela Universidade de Manitoba, no Canadá, sugere que as lentilhas podem reverter o comprometimento dos vasos sanguíneos. Os resultados foram apresentados na conferência anual da Associação Americana do Coração (American Heart Association). Durante os experimentos, feitos em cobaias, os cientistas conseguiram reverter uma obstrução arterial nas pernas dos camundongos. Este problema surge pelo acúmulo de gordura na parede da artéria – como ocorre no coração.

"É uma forma não farmacológica de tratar doenças associadas às disfunções nos vasos sanguíneos", comenta Peter Zahradka, durante apresentação da pesquisa na conferência realizada em Dallas, no Texas.

Queridinha da família Real

A lentilha ganhou ainda mais destaque em setembro do ano passado, depois que passou a fazer parte do cardápio do príncipe George, filho do príncipe William e da duquesa de Cambridge, Kate Middleton, em sua escola em Londres, na Inglaterra. Segundo a imprensa local, desde que o alimento se tornou parte da dieta do garoto real de 4 anos, houve um aumento na procura por pela leguminosa entre os ingleses.

Propriedades

A lentilha possui alto valor nutritivo, com grande quantidade de ferro, selênio, zinco, proteínas e vitaminas B1. Apenas 11,2% de sua massa total é composta por água e ela não possui nenhum tipo de gordura. A leguminosa é indicada para quem sofre de anemia, prisão de ventre, diabetes e colesterol alto.

Últimas notícias

Comentários