Publicidade

Estado de Minas CUIDADOS PET ' POR NATHÁLIA MINZON

Como adaptar a casa e tornar o lar acolhedor para seu animal de estimação

Para que a convivência seja harmoniosa são necessárias algumas mudanças


postado em 28/07/2022 22:09 / atualizado em 28/07/2022 22:44

(foto: Freepik)
(foto: Freepik)
Hoje, além de fiéis companheiros, os bichinhos de estimação também são membros da família. Assim, nada mais justo do que criar em casa um espaço exclusivo para que tenham conforto, segurança e diversão.

Ter um pet em casa melhora a qualidade de vida. Benefícios como a redução do estresse, combate à depressão, união da família e muitos outros já foram comprovados cientificamente. Mas para que a convivência seja harmoniosa são necessárias algumas mudanças.

Confira algumas dicas para tornar o lar acolhedor para seu animalzinho:

1) Escolha um cantinho para ele chamar de seu

  • Mesmo que decida dar ao seu bichinho livre acesso à casa, é importante que ele tenha o próprio "quartinho". Descarte áreas apertadas e entulhadas. O lugar deve ser calmo e agradável, com luz natural e temperatura amena.

  • É importante que o local eleito tenha os elementos necessários para o bem-estar do seu pet, como uma casinha ou caminha confortável, almofadas, mantas, itens de higiene, brinquedos e potinhos adequados de água e comida.

  • Manter tudo em ordem e de acordo com a sua rotina, de forma prática e funcional, fará com que a tarefa de cuidar do seu animalzinho fique bem mais fácil e prazerosa.

2) Organize o banheiro dele

  • Primeiro você tem que decidir onde será o lugar do bichinho fazer suas necessidades. De preferência uma área mais isolada e fácil de limpar. Além disso, o banheiro deve ficar separado do cantinho de descanso e das refeições.

3) Pense na segurança

  • Muitas vezes, focamos na parte divertida do projeto e deixamos a proteção de lado. É fundamental observar, com cuidado, todos os itens que ele pode pegar. Lembre-se que pets são arteiros, pulam, correm e escalam. Deixe fora do alcance plantas venenosas ou que causam algum tipo de irritação, objetos cortantes ou afiados, fios elétricos e produtos tóxicos.

  • Caso necessário, não hesite em instalar redes de proteção nas janelas, cercar o terreno ou colocar grades em aberturas que dão para a rua. Também não esqueça da coleira de identificação, para que em caso de fuga ele seja identificado e devolvido com maior facilidade.

4) Distribuição de tarefas

  • Um animalzinho não é só diversão, é um morador que precisa de cuidados, de ordem e de uma rotina que lhe proporcione estabilidade e alegria. Por isso, já organize em casa quem será responsável por cada tarefa, como educar, levar para passear, limpar a sujeira e dar a comida.

  • Com todos os pontos acima checados e resolvidos, é só se preparar para os muitos momentos especiais que estão por vir.
Oferecimento:

Pimp My Pet
Endereço: av. do Contorno, 3987, Funcionários
Telefone: (31) 3267-7496 | (31) 99907-7496
Instagram@pimpmypetbrasil

Os comentários não representam a opinião da revista e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade