O que aconteceria se um asteroide gigante atingisse a Terra?

Vídeo simula o impacto de um asteroide de 500 km de diâmetro. Confira!

por João Paulo Martins 11/11/2016 13:37

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
YouTube/Anselmo La Manna/Reprodução
Se um asteroide gigantesco, com 500 km de diâmetro, atingisse a Terra, em pouco tempo todas as formas de vida na superfície do planeta seriam vaporizadas (foto: YouTube/Anselmo La Manna/Reprodução)
No ano de 2008, o canal americano de TV por assinatura Discovery Channel divulgou uma animação 3D contendo a simulação do impacto de um asteroide de 500 km de diâmetro contra a superfície da Terra. Publicado no YouTube em 2011, o vídeo tem quase 15 milhões de visualizações e está novamente chamando a atenção dos internautas.

Saiba o que aconteceria com nosso planeta se sofresse o impacto de um asteroide gigantesco:


Segundo o texto que acompanha as imagens impressionantes, caso um corpo celeste dessa magnitude atingisse a Terra, ele faria um buraco de 10 km da crosta terrestre, criando uma onda de choque supersônica e aremessando detritos fumegantes na atmosfera. Em seguida, todo esse material cairia de volta no planeta. A cortina de fogo criada na colisão logo cobriria a Terra, vaporizando tudo pelo caminho.

Um dia após a queda do asteroide de 500 km, a superfície do planeta estaria totalmente morta. Não haveria chance de qualquer ser vivo sobreviver.

De acordo com a publicação no YouTube, esse tipo de fenômeno já ocorreu seis vezes na história da Terra. Aliás, a própria formação do nosso planeta e da Lua se deve às várias colisões de meteoros e asteroides.

Vale lembrar que, segundo a Nasa, a chance de um objeto dessa magnitude se chocar contra a Terra é extremamente baixa. Normalmente, a massa terrestre costuma atrair apenas pequenos meteoros, que não chegam a causar danos mais severos. Mas, a cada 100 anos, em média, um corpo celeste com 20 km de diâmetro, como o que explodiu no céu da Rússia em 2013, na cidade de Chelyabinsk, acaba sendo atraído pela gravidade de nosso planeta.

O vídeo do Discovery Channel está com mais de 17 mil comentários, e muitos internautas ficam assustados com a dimensão desse tipo de fenômeno natural. "Não podemos deixar que isso aconteça", diz o usuário chamado Vinna Fu. "Isso foi depressivo e maravilhoso", comenta Ignismaniaco. "Eles [meteoros] não teriam que se despedaçar ao entrar na atmosfera da Terra?", questiona a internauta Tara Jones. "Por favor diga que isso é mentira. Deus, não deixe que isso aconteça", diz o usuário do YouTube Sean Woo.

Últimas notícias

Comentários