Publicidade

Estado de Minas CELEBRIDADES

Ellen Page diz que filme a ajudou a assumir homossexualidade

A atriz canadense interpreta uma lésbica no longa Freeheld, que estreia em outubro nos EUA, e isso a teria encorajado a assumir que é gay


postado em 04/09/2015 11:57

No início de 2015, a atriz canadense Ellen Page (Juno e X-Men: Dias de Um Futuro Esquecido) assumiu publicamente sua homossexualidade, em um evento ligado aos direitos humanos. Na ocasião, ela chegou a dizer que poderia fazer a diferença na luta contra a homofobia. Essa postura da atriz de 26 anos, na verdade, teria sido instigada após as filmagens do longa Freeheld, em que Page faz um par romântico com a atriz americana Julianne Moore (Ensaio Sobre a Cegueira e Jogos Vorazes: A Esperança – Parte 1).

Em entrevista à revista Out, direcionada para o público LGBT, Ellen Page conta que a liberdade para assumir a homossexualidade foi sendo construída juntamente com a própria personagem lésbica Stacie Andree, que, no filme dirigido por Peter Sollett, se apaixona pela detetive Laurel Hester (Julianne Moore), que está doente de câncer. "Ellen, em nome de Deus, como você pode fazer esse filme, sem se assumir?", conta a atriz canadense à publicação.

A jovem diz que um dos principais motivos que a encorajaram a assumir a homossexualidade foi saber que é uma pessoa privilegiada, enquanto tantas outras não têm condição de viver como gay. "Apenas passe por cima disso, honestamente, e apoie aqueles que não são tão privilegiados. É tipo, 'você é muito privilegiada, então faça algo com isso'", afirma Page.

Assista abaixo ao trailer (em inglês) do filme Freeheld, que ainda não tem data de estreia nos cinemas brasileiros. Ele chega às salas dos Estados Unidos no dia 3 de outubro deste ano:

Os comentários não representam a opinião da revista e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade