Publicidade

Estado de Minas CELEBRIDADES

Globo pode levar Carioca e Maurício Meirelles para o Vídeo Show

A informação foi divulgada pelo jornalista Flávio Ricco


postado em 23/07/2018 15:42 / atualizado em 23/07/2018 15:45

Segundo o colunista de TV Flávio Ricco, os humoristas Maurício Meirelles (esq.) e Carioca estão na
Segundo o colunista de TV Flávio Ricco, os humoristas Maurício Meirelles (esq.) e Carioca estão na "mira" da Globo para integrarem o programa Vídeo Show (foto: Instagram/maumeirelles/Reprodução e Instagram/cariocadelegado/Reprodução)
De acordo com nota publicada pelo jornalista Flávio Ricco, colunista do portal UOL, nesta segunda, dia 23 de julho, os humoristas Márvio Lúcio, o Carioca, ex-Pânico na Band, de 42 anos, e Maurício Meirelles, de 34, que participaram do programa Central da Copa, exibido pela Globo e pelo canal SporTV, da TV paga, durante a Copa do Mundo da Rússia, estariam sendo cobiçados para fazer parte da equipe do Vídeo Show.

"Neste momento, entre as várias propostas em discussão para turbinar o programa, os dois profissionais estão incluídos em uma delas. No caso em questão, aí já fazendo uma aposta no campo do humor e interagindo com o arquivo da casa", diz Flávio Ricco.

Atualmente, o programa da Globo é comandado pelas ex-BBBs Fernanda Keulla, Vivian Amorim e Ana Clara, que estrearam na segunda, dia 16 de julho. Apesar de darem um clima mais alegre à atração, que mostra os bastidores da televisão, ela vem perdendo audiência. De acordo com o jornalista Ricardo Feltrin, também colunista de TV do UOL, o Ibope da Globo nessa faixa horária passou de 10,3 pontos entre os dias 4 e 8 de junho, para 8,3 pontos, entre 16 e 20 de julho.

Resta sbaer se o interesse por Carioca e Meirelles tem a ver com a necessidade de recuperar os telespectadores do programa vespertino. "Confirmados, não estão ainda, porque o negócio precisa sair do papel, porém, o interesse existe. E também seria uma maneira de dar 'uma quebrada' no esquema atual do Vídeo Show, hoje mais feminino do que nunca. É esperar pra ver no que isso vai dar", comenta Flávio Ricco.

Os comentários não representam a opinião da revista e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade