Publicidade

Estado de Minas INTERNACIONAL

China deve terminar o maior telescópio do mundo em 2016

O equipamento tem nada menos que 500 metros de diâmetro e será três vezes mais potente que o maior telescópio da atualidade


postado em 27/11/2015 18:47

O condado de Piangtang, na China, foi escolhido para receber o FAST, sigla em inglês para Telescópio de Abertura Esférica, que passará a ser o maior instrumento de "leitura" do universo existente no mundo. O equipamento vai desbancar o telescópio de Porto Rico, que fica no observatório de Arecibo.

O FAST tem nada menos que 500 metros de diâmetro e é composto por 4,4 mil placas de alumínio triangulares, que são usadas para refletir as ondas provenientes do espaço. As seis torres que sustentam a mega-estrutura têm cerca de 137 m de altura.

As obras do telescópio chinês já estão bastante avançadas e, segundo a previsão dos responsáveis pela obra, ele deverá estar pronto em setembro de 2016. Quando estiver ativo, o instrumento será três vezes mais sensível que o telescópio de Arecibo, que é o mais potente até hoje.

Os comentários não representam a opinião da revista e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade