Americanos querem criar 'clube do Satanás' para estudantes de escolas públicas

A ideia surgiu no templo satânico de Salem, nos Estados Unidos

por Encontro Digital 04/08/2016 12:14

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Thesatanictemple.com/Reprodução
O templo satânico da cidade de Salem, nos Estados Unidos, quer criar o "clube do Satanás" para jovens estudantes participarem após as aulas (foto: Thesatanictemple.com/Reprodução)
Um grupo nos Estados Unidos iniciou uma batalha judicial para poder levar os estudos do satanismo para alunos das escolas públicas de ensino fundamental.

Na cidade de Salem, Massachusetts (EUA), que é muito conhecida pelos julgamentos e "caça" às bruxas no século XVII, os líderes de um templo satânico se reuniram para que as crianças de escolas públicas pudessem optar por estudar uma destas duas figuras religiosas: Jesus ou Satanás.

"É muito importante que as crianças saibam que existem múltiplas alternativas sobre todas as questões", diz Doug Mesner, co-fundador do templo, em entrevista ao jornal americano Washington Post.

O templo satânico informou à publicação que, na verdade, a intenção não é a disseminação da adoração do diabo entre os jovens estudantes. Segundo os satanistas, a ideia principal da disputa legal é exigir que se cumpra a separação entre estado e igreja.

Os fundadores do templo afirmam que não defendem a crença na existência de um ser que algumas religiões identificam como Satanás. Por incrível que pareça, estes satanistas rejeitam a existência do sobrenatural. Para eles, só existe a racionalidade científica que, segundo o templo satânico, "oferece a melhor maneira de explicar a realidade".

O grupo propõe criar um "clube do Satanás", depois da aula, nas escolas públicas. O programa apresentado pelo clube extracurricular propõe um lanche saudável, aulas de literatura, atividades de aprendizagem criativa, aulas de ciências, quebra-cabeças e um projeto de arte. Cada criança receberá um cartão de membro e deve ter a permissão de seus pais para aderir ao clube.

(com Agência Sputnik)

Últimas notícias

Comentários