Publicidade

Estado de Minas ESPORTE

Jogador sérvio consegue errar o gol mais fácil da história

Qual a dificuldade de se chutar uma bola para o gol quando a meta está vazia e a poucos centímetros de distância?


postado em 24/11/2016 11:59

Engana-se quem acha que já viu todas as formas possíveis de um jogador de futebol perder um "gol feito". Desta vez, um atacante sérvio mostrou que sempre é possível "inovar" quando se trata de "bola fora". Ele estava de frente para o gol vazio, mas conseguiu chutar a bola para fora. Como isso foi possível? Confira o vídeo:



A jogada inacreditável aconteceu numa partida da divisão de base da cidade de Belgrado, na Sérvia, no dia 20 de novembro deste ano. O atancante Milan Djuricic Lemi, que joga pelo FK Lokomotiv, mostrou sua malícia ao conseguir roubar a bola que estava sendo recuada para o goleiro do Turbina. Em seguida, partiu para a meta, que estava totalmente vazia. Bastava apenas um simples toque para ampliar o placar. Porém, o jogador fez façanha de chutar tão forte que a bola passou por cima da trave.

Em entrevista para o canal de televisão sérvio SOS Kanal, Djuricic revela como conseguiu executar essa "proeza". "Eu enganei o goleiro, dei a volta por ele e, no caminho para o gol, pensei se usaria a perna esquerda ou a direita, para chutar. Quando estava de frente para o gol, preparei o chute, mas, naquele instante, a bola quicou e acabei chutando para cima da trave", explica o jogador, visivelmente constrangido.

Ao contrário do sérvio, este ano, um estudante americano marcou um gol muito curioso numa partida da liga universitária. Depois de escapar do "carrinho" dado pelo goleiro adversário com uma impressionante cambalhota, Dylan Prichett-Ettner conseguiu se recuperar e marcar o golaço. O único problema é que o juiz disse que ele estava impedido.

Os comentários não representam a opinião da revista e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade