AVC também atinge jovens, como o youtuber PhoenixBR

Ele é um dos gamers mais famosos do YouTube no Brasil, tem apenas 19 anos e foi vítima do problema

por João Paulo Martins 07/12/2016 15:44

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Instagram/phoenixbrnnf/Reprodução
O youtuber Guilherme Nogueira, mais conhecido como PhoenixBR, foi hospitalizado recentemente (foto da direita) após sofrer um AVC (foto: Instagram/phoenixbrnnf/Reprodução)
Os mais de 650 mil seguidores do youtuber Guilherme Nogueira, mais conhecido como PhoenixBR, ficaram assustados quando souberam que a ausência dele no site de vídeos do Google não foi causada por uma viagem de férias, e sim, por uma hospitalização de urgência. O paulista, que tem apenas 19 anos, foi vítima de um Acidente Vascular Cerebral (AVC), no fim de novembro deste ano.

"Galera, estou no hospital, tive um AVC e estou internado. Mas, eu ja tô [sic] melhorando e volto em breve", diz o jovem em sua conta oficial no Twitter. A publicação foi feita no dia 21 de novembro. Ele é conhecido por fazer vídeos de jogos no YouTube e seu canal tem mais de 55 milhões de visualizações.

Para não deixar os fãs de PhoenixBR sem notícias, alguns youtubers, amigos dele, fizeram um vídeo intitulado O que Aconteceu com o Phoenix, como forma de esclarecimento e de apoio no momento delicado da vida do jovem paulista.

Apesar de não ter dado maiores detalhes sobre o tipo de AVC que sofreu (isquêmico ou hemorrágico), Guilherme Nogueira usou o Twitter para dizer aos seus seguidores que está melhor, que já havia deixado o hospital e que, em breve, deve voltar a fazer vídeos. "Tem muita coisa que eu quero falar sobre isso. Vou falar num vídeo. Foi uma história e tanto. Ainda mais que eu lembro de tudo. Mas, o que importa é que tô [sic] super bem já", diz PhoenixBR. Porém, numa publicação mais recente, ele dá indícios de que ainda estaria com sequelas do problema, que costuma afetar a fala. "Me sinto mal de estar nesse estado e não conseguir falar com a pessoa, como normalmente faria", afirma o jovem de 19 anos.

Não é coisa de velho

Segundo o site da Unimed-Fortaleza, o AVC vem atingindo cada vez mais jovens, e os sintomas são os mesmos dos idosos: fraqueza e dormência de um lado do corpo, perda de visão súbita, dificuldade para falar e uma forte tontura. A empresa especializada em seguro de saúde esclarece que o tipo mais comum do problema é o isquêmico, ou seja, quando ocorre a obstrução de uma artéria no cérebro.

Quando o AVC atinge um paciente entre com menos de 35 anos, as chances de recuperação e de não apresentar sequelas são bem maiores. "Os jovens possuem uma maior neuroplasticidade no cérebro, ou seja, ele faz com que outras células do cérebro [neurônios] cubram a função das que morreram durante o AVC, possibilitando que o paciente se recupere em até 100%", diz o texto publicado no site da Unimed-Fortaleza.

Se você não conhece o youtuber PhoenixBR, aqui está um vídeo dele:


Abaixo, o vídeo feito pelos amigos do PhoenixBR:

Últimas notícias

Comentários