Publicidade

Estado de Minas POLíTICA

Repórter da Al Jazeera confronta a ex-presidente Dilma Rousseff em entrevista sobre a corrupção na Petrobras

Mehdi Hasan não acredita que a petista não sabia dos inúmeros atos de corrupção na empresa petrolífera


postado em 16/12/2016 12:46 / atualizado em 16/12/2016 12:57

Em entrevista para a emissora de TV árabe Al Jazeera, do Qatar, a ex-presidente Dilma Rousseff foi confrontada pelo repórter e apresentador Mehdi Hasan enquanto discutiam os inúmeros casos de corrupção envolvendo políticos, diretores e funcionários da Petrobras – faz arte da investigação da operação Lava-Jato da Polícia Federal. "Você nega que figuras do PT, incluindo o próprio tesoureiro do partido e seu chefe de gabinete, estivessem envolvidos [no escândalo da Petrobras]?", questiona Hasan. "Como eles não estão sendo julgados, não vou opinar", responde Dilma.

Apenas um trecho da entrevista que deve ir ao ar na Al Jazeera nesta sexta, dia 16 de dezembro, foi compartilhado na internet e está causando polêmica pela forma como o entrevistador confronta a ex-presidente, que tenta se "safar" de todas as formas das perguntas que não lhe convêm.

"Alguns dizem que você sabia o que estava acontecendo, o que a tornaria cúmplice de tudo. Ou então, você não sabia de nada que estava acontecendo, o que a tornaria incompetente. Afinal, você é cúmplice ou incompetente?", pergunta Mehdi Hasan de forma mais ríspida para a ex-presidente do Brasil. "Bem, querido, este é um tipo de 'escolha de Sofia' [em referência ao filme de 1982 com Meryl Streep] que me recuso a fazer", diz Dilma Rousseff, claramente transtornada.

Assista, abaixo, ao polêmico trecho da entrevista da petista com o repórter da Al Jazeera (legendas disponíveis):

Os comentários não representam a opinião da revista e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade