Será que Felipe Massa voltará à Fórmula 1 em 2017?

Possível ida de Valtteri Bottas para a Mercedes pode deixar aberta uma vaga na equipe Williams

por João Paulo Martins 15/12/2016 14:31

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Instagram/valtteribottas/Reprodução
Com a possível saída de Valtteri Bottas (esq.) da equipe Williams, tudo indica que o piloto brasileiro Felipe Massa, recém aposentado, pode voltar à Fórmula 1 (foto: Instagram/valtteribottas/Reprodução)
Depois do anúncio da aposentadoria do piloto alemão Nico Rosberg, na Fórmula 1, logo surgiram inúmeros nomes para ocupar sua vaga na equipe Mercedes. Agora, segundo o jornal francês L'Equipe, o nome forte para substituir o alemão de 31 anos é o finlandês Valtteri Bottas, que, atualmente, está com o contrato renovado na Williams. Com essa possível mudança, o brasileiro Felipe Massa, que deu adeus à categoria no Grande Prêmio do Brasil, em Interlagos, em novembro, pode deixar a aposentadoria de lado.

De acordo com a publicação francesa, o acordo entre a Williams e a Mercedes envolveria um desconto de 10 milhões de euros (cerca de R$ 43 milhões) no fornecimento dos motores para a próxima temporada. Como a equipe inglesa acaba de contratar o jovem piloto canadense Lance Stroll, de 18 anos, ela estaria em busca de um outro, mais experiente. Por isso, já estaria de olho no Massa.

Quando o brasileiro anunciou que iria se aposentar da F1, em setembro, pouco antes do GP da Itália, ele sabia que não conseguiria manter sua vaga na Williams. Ao mesmo tempo, Felipe Massa deixou claro que não iria pilotar numa equipe menor, como a Haas e a Renault. O curioso é que, na época, em entrevista para o site UOL Esportes, o paulista disse que não levou em conta o mercado de pilotos quando decidiu se aposentar.

A possível abertura de vaga na Williams, somada à dificuldade enfrentada pela equipe inglesa para achar um nome de peso para formar dupla com Stroll, os comentaristas de Fórmula 1 dão como certa a contratação do piloto brasileiro recém "aposentado".

Últimas notícias

Comentários