Publicidade

Estado de Minas CIDADE

Betim inicia processo de construção de seu aeroporto

O Aeródromo Inhotim terá capacidade de receber grandes aviões, como o Boeing 737, que leva 150 passageiros


postado em 17/02/2018 11:45 / atualizado em 17/02/2018 11:57

Enquanto a população de Belo Horizonte assiste ao impasse da retomada dos voos comerciais de grande porte ao aeroporto da Pampulha, a cidade de Betim acaba de anunciar o lançamento das obras do Aeródromo Inhotim. Com investimento estimado em R$ 140 milhões, a construção do novo aeroporto da Região Metropolitana de Belo Horizonte (RMBH) foi autorizada pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), conforme informações da Prefeitura de Betim, e recebeu a licença ambiental do Conselho Municipal de Desenvolvimento Ambiental em dezembro do ano passado. Depois de pronto, o aeródromo deve gerar mais de 640 empregos diretos e 800 indiretos para a cidade mineira, que é conhecida por ser sede da montadora Fiat. Em pleno funcionamento, o novo aeroporto poderá gerar até 21 mil postos de trabalho diretos e indiretos.

A ideia inicial é que o empreendimento atenda a demanda de visitantes, do Brasil e do exterior, que desejam conhecer o Instituto Inhotim, um dos maiores centros de arte contemporânea do mundo. O aeródromo também poderá receber voos executivos de menor porte, voos comerciais não regulares e de carga, além de servir de suporte para as atividades industriais da região de Betim.

De acordo com o presidente da Orion Consórcio Investidor, responsável pelo empreendimento, Luiz Tito, a novidade confere à região um importante equipamento comunitário. "Primeiro, pela segurança que gera, já que a região não tem um local de pouso, sequer para helicóptero, em situações de emergência. Ele também oferece um suporte para o parque industrial e comercial, localizados na própria Betim e em seu entorno", comenta o executivo.

Pesquisas feita pelo Orion apontam que a região tem uma demanda de, aproximadamente, três mil voos anuais, originados de diversos destinos. Com a construção do aeródromo, há a possibilidade de ampliação desse fluxo, o que vai trazer benefícios para Betim e cidades vizinhas. As atividades de turismo, comércio e de produção industrial serão ampliadas, gerando mais empregos e ampliando as atividades econômicas da região.

"Os moradores e empresários de cidades como Betim, Divinópolis, Itaúna, Mateus Leme, Igarapé, dentre outras, quando querem se deslocar para outras capitais, são obrigados a se submeterem aos serviços do aeroporto de Confins, distante até 150 km de algumas dessas, para ter acesso ao conforto de um transporte aéreo", diz Luiz Tito.
(foto: YouTube/HD Ilustrações/Reprodução)
(foto: YouTube/HD Ilustrações/Reprodução)
Estrutura

A construção do novo aeródromo será feita numa área de dois milhões de m², localizada no Distrito Industrial do Bandeirinhas, que fica a quatro km do centro de Betim e a 15 km do Instituto Inhotim. O projeto prevê que, futuramente, o empreendimento receba aviões de maior porte, como o modelo 737-800 da Boeing, que possuem 39 m do comprimento e 37 m de envergadura, e capacidade para aproximadamente 180 passageiros.

A pista de pouso e decolagem deve chegar a 1,8 mil m de extensão e 45 m de largura. Segundo adianta Luiz Tito, a pista poderá ser ampliada futuramente em mais 500 m, chegando próximo do tamanho do aeroporto da Pampulha, que tem cerca de 2,4 mil m de extensão. O terminal de passageiros ocupará uma área de 1,2 mil m² e terá dois jetways – pontes para embarque e desembarque de passageiros. Também serão construídos hangares para o abrigo de aeronaves de pequeno porte e de porte comercial.

"É incompreensível que uma região da importância econômica que a de Betim representa não tenha um recurso dessa natureza. Essa iniciativa é ainda mais valorosa pelo fato de ser implantada sem o comprometimento de um centavo sequer de recursos públicos. Todo o investimento no aeródromo será da iniciativa privada. Em síntese, Betim e sua região ganharão um aeródromo sem investir nada de seus respectivos orçamentos", explica Tito.
(foto: YouTube/HD Ilustrações/Reprodução)
(foto: YouTube/HD Ilustrações/Reprodução)
(foto: YouTube/HD Ilustrações/Reprodução)
(foto: YouTube/HD Ilustrações/Reprodução)
(foto: YouTube/HD Ilustrações/Reprodução)
(foto: YouTube/HD Ilustrações/Reprodução)
(com portal da Prefeitura de Betim)

Os comentários não representam a opinião da revista e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade