Casar ou namorar engorda, segundo estudo recente

O relacionamento sério faz com que a pessoa coma bem mais

por Marcelo Fraga 15/03/2018 10:48

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Pixabay
(foto: Pixabay)
Provavelmente, você já ouviu alguém de dizer que "casar engorda". Nesse instante, lembra de um amigo que realmente ganhou uns "quilinhos a mais" algum tempo depois do matrimônio ou, até mesmo, do início do namoro. Talvez você não saiba, mas essa afirmação é recorrente não só no Brasil, mas em todo o mundo. Tanto que cientistas da Universidade de Queensland, na Austrália, fizeram um estudo para saber se as pessoas que estão num relacionamento sério, incluindo o casamento, de fato, acabam engordando.

De acordo com o portal sul-africano de notícias Iol, os pesquisadores australianos estudaram mais de 15 mil pessoas durante nove anos. Com os resultados do acompanhamento, eles concluíram que os não solteiros têm 50% mais chances de adquirirem sobrepeso em comparação com os que vivem sozinhos. Um dos motivos para isso, conforme o levantamento, é que as pessoas que entram num relacionamento sério, apesar de comerem produtos saudáveis, como frutas, verduras e legumes, tendem a ingerir mais, por estarem acompanhadas. E, ainda, quando têm filhos, costumam comer os "restos" de comida das crianças.

A pesquisa realizada pela Universidade de Queensland também revelou que as pessoas casadas ou namorando não se importam tanto com sobrepeso porque não precisam mais se manterem magras para "atrair" um parceiro. "Em um relacionamento, as pessoas se sentem mais à vontade para comer mais ou ingerir mais alimentos com alto teor de gordura e açúcar", afirma Stephanie Schoeppe, um dos autores da pesquisa, em entrevista para a revista científica New Scientist, responsável pela publicação do estudo.

Últimas notícias

Comentários