Nova moda nos Estados Unidos são tatuagens 'com som'

As 'soundwave tattoos' representam ondas sonoras que podem ser lidas por um app

por Correio Braziliense 25/04/2018 13:29

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Twitter/soundwavetattoo/Reprodução
A nova moda nos Estados Unidos são as soundwave tattoos, tatuagens que representam ondas sonoras, que podem ser lidas por meio de um aplicativo para celular (foto: Twitter/soundwavetattoo/Reprodução)
O tatuador americano Nate Siggard, que trabalha num estúdio em Los Angeles, nos Estados Unidos, criou uma nova moda que vem se espalhando entre os americanos: tatuagem sonora, que se transforma em sons ao ser "lida" por um aplicativo de celular.

A novidade, intitulada "soundwave tattoo", surgiu em 2017. Trata-se de uma onda sonora pintada permanentemente na pele que pode ser lida e reproduzida pelo app Skin Motion. Os sons, que podem ser qualquer tipo de gravação, devem ter, no máximo, 30 segundos de duração. A primeira tattoo desse tipo, claro, foi feita pelo próprio Nate Siggard, em si mesmo: trata-se da expressão "I love you" (Eu te amo) falada pela namorada Juliana Damiano, que o incentivou a criar essa nova moda, seguida por sons do seu bebê balbuciando.

O procedimento para fazer a tatuagem moderna e curiosa é simples: o usuário baixa um som no site da empresa; a página gera um espectro de onda, que deve ser levado ao tatuador especializado, que passará a imagem para a pele. O aplicativo lê apenas ondas, não funciona com outras formas ou imagens. E elas precisam ser tatuadas em uma superfície plana do corpo, como o antebraço. Para ativar a imagem, deve-se pagar pelo serviço de reprodução no app. O custo é de US$ 40 (cerca de R$ 140) no primeiro ano, além da manutenção, por US$ 10 (R$ 35) anuais. É possível ter mais de uma tatuagem, mas cada uma precisa de uma ativação diferente e, portanto, de pagamentos separados.

Segundo o site da Skin Motion, a maioria das pessoas faz algo baseado em questões sentimentais. Às vezes, o áudio representado é de uma criança, ou de uma pessoa querida, ou, ainda de um animal de estimação. A americana Hanna Washlake escolheu a voz da mãe. "Eu disse basicamente, sem dar muitos detalhes: 'manda uma gravação de algo que você quer que eu escute sempre, para fazer uma tattoo e lhe dar de presente de dia das mães'", diz a jovem de 24 anos citada pelo Skin Motion. Não tardou para receber a seguinte mensagem de sua progenitora: "Oi, Hanna, sou eu, sua mãe. Estou muito orgulhosa de você, te amo muito e sempre te amarei. Mamãe te ama".

Confira, abaixo, um exemplo de "soundwave tattoo":

Últimas notícias

Comentários