Aparelhos piratas começam a ser bloqueados no DF e em Goiás

Anatel já avisou os proprietários desses celulares que não poderão mais suar as redes de telefonia móvel

por Encontro Digital 09/05/2018 08:06

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Pixabay
Se você quiser saber se seu IMEI é regular, digite *#06# e clique em discar no aparelho. O código que aparece deve ser o mesmo que consta na caixa original e na bateria (foto: Pixabay)
A partir desta quarta, dia 9 de maio, os celulares considerados irregulares, também chamados de piratas, especialmente os importados da China e ujas fabricantes que não são regulamentadas pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel). Além disso, vale salientar que só os aparelhos habilitados a partir de 22 de fevereiro serão bloqueados. A medida passa a valer no Distrito Federal e em Goiás.

Segundo a Anatel, os usuários que já têm aparelhos móveis irregulares habilitados não serão desconectados, caso não alterem o número.

A medida, conforme a agência, tem o objetivo de coibir o uso de telefones móveis não certificados, com IMEI (espécie de 'CPF' do aparelho) adulterado, clonado ou outras formas de fraude. Na terça (8), véspera do bloqueio, celulares irregulares receberam a seguinte mensagem de texto: "Operadora avisa: Este celular IMEI [número] é irregular e deixará de funcionar nas redes celulares". Esse código de identificação é ititulado International Mobile Equipment Identity (IMEI).

A Anatel decidiu fazer o bloqueio em novembro do ano passado, e a iniciativa no Distrito Federal e em Goiás será um teste para avaliar o impacto real da medida.

Para saber se o número de IMEI é legal, basta discar *#06# no aparelho. Se a numeração coincidir com o que aparece na caixa original e na bateria de seu celular, ele é regular. Caso contrário, há uma grande chance de ser pirata. Ainda assim, é possível consultar a situação do número de identificação ligando na sua operadora de telefonia móvel.

A estimativa da Anatel é de que um milhão de novos aparelhos irregulares entrem nas redes das prestadoras todos os meses.

Outros estados

Em setembro, as mensagens começarão a ser enviadas para aparelhos habilitados no Acre, Rondônia, São Paulo, Tocantins, na região sul e nos demais estados da região centro-oeste.

As mensagens aos usuários de aparelhos irregulares serão encaminhadas a partir de 23 de setembro deste ano e o bloqueio dos aparelhos começará em 8 de dezembro. A medida vale para aparelhos irregulares habilitados depois de 23 de setembro nesses estados.

Em seguida, virão os aparelhos da região nordeste e demais estados das regiões norte e sudeste. O encaminhamento de mensagens aos usuários começará em 7 de janeiro do ano que vem e o impedimento do uso dos aparelhos irregulares, no dia 24 de março.

Celulares estrangeiros

Celulares comprados no exterior vão continuar funcionando no Brasil, desde que sejam certificados por organismos estrangeiros equivalentes à agência reguladora. Um celular só é considerado irregular quando não possui um número IMEI registrado no banco de dados da GSMA, associação global de operadoras.

O IMEI DB, como é chamado, é acessado por fabricantes, operadoras e agências reguladoras de todo o mundo, razão pela qual aparelhos que são certificados em qualquer país têm o IMEI inserido lá.

Não serão considerados irregulares os equipamentos adquiridos por particulares no exterior que, apesar de ainda não certificados no Brasil, tenham por origem fabricantes legítimos.

(com Agência Brasil)

Últimas notícias

Comentários