Publicidade

Estado de Minas EDUCAçãO

Universidades de Portugal e do Reino Unido aceitam a nota do Enem

Estudantes brasileiros podem até tentar bolsas de estudo com o exame do MEC


postado em 29/08/2018 10:56 / atualizado em 29/08/2018 10:59

(foto: MEC/Divulgação)
(foto: MEC/Divulgação)
Todos os anos, milhões de jovens fazem o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) em busca de vagas nas instituições públicas de ensino superior no Brasil. O que muitos não sabem é que o exame também é aceito em algumas universidades estrangeiras.

De acordo com a Fundação Estudar, muitas universidades de Portugal e algumas instituições de ensino do Reino Unido já aceitam o Enem como forma de ingresso de novos alunos, servindo até como método de seleção para bolsas de estudo.

Abaixo, algumas universidades estrangeiras que aceitam as notas do Enem como forma de acesso, segundo a Fundação Educar:

Instituto Politécnico de Leiria
Esta instituição de educação pública da cidade de Leiria possui diversos campi na região central de Portugal. Juntos, somam cerca de 10 mil estudantes em cursos de graduação e pós. Além de utilizar a nota do Enem para aceitar alunos, estudantes brasileiros podem ganhar até 50% de desconto por meio de bolsas de mérito, cooperação para o desenvolvimento e de tecnologia.

Universidade de Coimbra
A faculdade mais antiga de Portugal, fundada em 1290, já teve como alunos Eça de Queirós, Luís de Camões e Gregório de Matos. Reconhecida mundialmente pelo ensino de Direito, a Universidade de Coimbra, que é particular, foi a primeira instituição de ensino estrangeira a aderir ao exame realizado anualmente pelo Ministério da Educação (MEC). Para entrar na instituição, desde 2014 é aceita a nota do Enem, que tem peso diferente para cada curso. Mas, o candidato precisa tirar no mínimo 600 pontos para ter chance (o que equivale a 120 na escala portuguesa de pontuação).

Universidade de Lisboa
A maior universidade de Portugal e uma das maiores da Europa, considerada uma das 200 melhores instituições de ensino do mundo pelo Academic Ranking of World Universities 2018, a Universidade de Lisboa também aceita o Enem como forma de ingresso. Vale ressaltar que assim como na Universidade de Coimbra, as notas de corte variam de acordo com o curso escolhido e há que fazer a conversão dos pontos para equivaler a escala portuguesa.

Universidade de Oxford
Esta instituição, assim como outras do Reino Unido, como Kingston e Bristol, considera a nota do Enem para o ingresso em um curso de graduação, mas elas também podem pedir a realização do vestibular local. Nessas instituições, a nota é avaliada e somada a outros tópicos, como fluência no idioma, desempenho no ensino médio e atividades extracurriculares.

Os comentários não representam a opinião da revista e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade