Mensagem em sobremesa para Dilma Rousseff causa polêmica no Instagram

Dono do restaurante de Belo Horizonte usou a rede social para criticar a atitude de seu funcionário

por João Paulo Martins 23/07/2018 11:22

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Instagram/dilmarousseff/Reprodução
Ao divulgar uma homenagem que recebeu no restaurante A Favorita, de Belo Horizonte, a ex-presidente Dilma Rousseff iniciou uma polêmica no Instagram (foto: Instagram/dilmarousseff/Reprodução)
Em passagem por Belo Horizonte no final da semana passada, para oficializar sua candidatura ao Senado por Minas Gerais, a ex-presidente Dilma Rousseff acabou gerando uma polêmica na internet, em especial no Instagram, depois que publicou uma imagem em que mostra um prato de sobremesa com os dizeres "Sempre nossa presidente". A foto foi tirada no restaurante A Favorita, que fica no bairro de Lourdes, região centro-sul de BH. Logo após o compartilhamento da imagem pela petista, no dia 21 de julho, teve início uma "guerra" entre os internautas que apoiam ou discordam da ex-presidente.

Os favoráveis ao impeachment que retirou Dilma Rousseff da presidência da república chegaram a publicar duras críticas ao restaurante de alta gastronomia da capital mineira. "Restaurante militante? Tem pão com mortadela?", ironiza o usuário João Ricardo Silva, no Instagram. "A Favorita passou, agora, a ser reduto de 'petralha burguês' [sic]! Está riscado de minha lista de restaurantes! O La Victória também", reclama a internauta Helena Franco. "Bajulando gente desonesta? Eu gostava do restaurante... Uma pena!", comenta Daniel Paulino Santana. "Sinto-me envergonhada. Restaurante que frequento há anos. Quantos amigos vieram a BH e os apresentei ao Favorita? É inaceitável a conduta de vocês em apoiar esta comunista que destruiu nossa nação [...] Nunca mais verão a mim e aos meus amigos! faremos uma campanha maciça na rede", critica a internauta Bya Santiago Pereira Braga, também no Instagram.

Logo que teve início a repercussão negativa do "mimo" que veio da cozinha do A Favorita, o empresário uruguaio Fernando Areco Motta compartilhou uma nota sobre o "incidente" no domingo, dia 22 de julho. "Estou, e estava, no exterior, quando [houve] a visita da Sra. Dilma [sic]. O manifesto na sobremesa foi gesto de um funcionário e não reflete o pensamento do restaurante, nem o meu", diz o empresário. Após a divulgação desse comentário, ele publicou um vídeo, também no Instagram, rechaçando a atitude de seu funcionário. "Foi um gesto impensado e não autorizado de um funcionário, obrigado", diz Motta na gravação de apenas 20 segundos.

A seguir a gravação compartilhada pelo restauranteur:


O problema é que a resposta do uruguaio também não foi bem recebida por muitos internautas. "Senhor Motta, grosso [sic], mal educado, não sabe tratar os clientes! Espero que feche essa 'birosca' [sic] e volte pra [sic] França!", reclama a usuária Roebrta Moraes, no Instagram. "[...] Com medo de perder a 'clientela fascista paneleira' [sic], acabou perdendo vários potenciais clientes", publica a internauta Adriana Vidigal. "Nunca irei no seu restarante... Vai embora do Brasil, 'gringo horroroso' [sic]. Dilma é uma pessoa honrada e merece toda admiração e respeito. Pra quê você se expressar sobre isso? Perdeu um cliente...", critica Raphael Vianna, na mesma rede social. "Se for verdade que o funcionário foi demitido, o senhor é um 'imbecil' [sic]. Independente de posição política, o que ele fez foi um gesto de delicadeza, uma homenagem. Punir um gesto assim mostra bem que tipo de pessoa você é", diz o usuário Tulio Borges.

Últimas notícias

Comentários