Lexus apresenta a nova versão do sedã LS, seu modelo mais luxuoso

Com riqueza de detalhes, o novo carro traz luxo e sofisticação para transportar os ocupantes a um clima de tranquilidade e cuidado tipicamente nipônico

por Fábio Doyle 22/11/2017 13:48

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Divulgação
O novo Lexus LS utiliza materiais leves, incluindo aço prensado a quente de alta tensão e outras ligas de aço em áreas críticas: mais resistente (foto: Divulgação)
Quando pensamos em luxo, conforto e desempenho no campo dos automóveis, de imediato nos vêm à mente as marcas alemãs. Em seguida pensamos nas britânicas e nas norte-americanas. Mas as coisas mudaram e há uma marca japonesa alterando essa tradição. Divisão premium da Toyota, a Lexus caiu nas graças dos apaixonados por carros - e com dinheiro para investir nessa paixão - graças a seu modelo top, o sedã LS. O carro é realmente um capítulo à parte em termos de requinte, além de ter, em relação aos concorrentes teutônicos, vantagens mais que interessantes na relação custo/benefício.

E, ao que parece, a Lexus aposta alto no LS, ao revelar a edição 2018 do modelo, mais completa e sofisticada. Ainda uma novidade para os consumidores brasileiros, na verdade o primeiro Lexus LS surgiu no segmento de luxo há 28 anos. O modelo foi projetado e nasceu para oferecer um conjunto motopropulsor suave, rodar silencioso, acabamento perfeito, atenção aos detalhes e qualidade no longo prazo. É assim que Toshio Asahi, engenheiro chefe do novo LS, define a personalidade desse sedã. Em relação à atual, a nova geração do LS ficou maior em comprimento e menor na distância do solo, detalhe que pode ser um complicador para uso em grande parte das vias brasileiras.

Outra novidade é a nova plataforma global, com tração traseira, para veículos de luxo, chamada GA-L, que oferece condução mais dinâmica sem prejudicar o conforto. Uma peculiaridade curiosa e típica do LS é a aplicação do Omotenashi, o conceito japonês de hospitalidade, conhecido mundialmente pela forma educada, generosa e amável com que trata seus hóspedes e convidados. A aplicação desse conceito em um automóvel de luxo significa priorizar o cuidado com o motorista e os passageiros, antecipar suas necessidades, estar atento ao seu conforto e protegê-los de qualquer inconveniente.

Divulgação
(foto: Divulgação)
A nova edição do LS poderá ter rodas de 19 ou 20 polegadas. O novo design foi desenvolvido para ter uma estrutura interna que auxilia na redução do som gerado pelos pneus, à exceção da versão esportiva (FSport). A plataforma é a mais resistente da história da Lexus. A distância de 3,12 m entre os eixos é 3,3 cm mais longa do que a do modelo anterior. A Lexus aprimorou sua Gestão Integrada de Dinâmica do Veículo (VDIM), que controla todos os subsistemas disponíveis no carro, como ABS, Controle de Tração (TRAC/TRC), Controle de Estabilidade (VSC), Direção Elétrica (EPS), Direção com Taxa de Câmbio Variável (VGRS) e Direção Traseira Dinâmica (DRS).

O novo LS utiliza materiais leves, incluindo aço prensado a quente de alta tensão e outras ligas de aço em áreas críticas. Com isso ele traz uma composição de massa de aço de alta resistência de quase 30%, o que é mais do que o dobro do que o LS anterior (14,1%). Como no LS anterior, o novo modelo oferece como opcional um sistema de suspensão a ar. Uma versão mais avançada da Suspensão Variável Adaptativa (AVS) ajusta continuamente o controle de amortecimento em resposta às operações de condução e às condições da superfície da estrada. A Lexus aumentou os níveis de comutação da força de amortecimento de nove, no modelo anterior, para 650 no LS 2018. O resultado é a operação mais rápida, ininterrupta e refinada.

No mundo automotivo, para ser luxuoso o carro deve também ser potente e acelerar como um esportivo. O LS é impulsionado por um motor biturbo V6 com transmissão de 10 velocidades. Trata-se de um novo propulsor de 3,5 litros com seis cilindros em V projetado especificamente para o novo LS. A engenharia dos componentes foi pensada para melhorar a eficiência térmica com as turbinas, utilizando a tecnologia do grupo na Fórmula 1. O objetivo da Lexus foi criar um motor que tivesse a potência de um V8 em um "pacote mais compacto com eficiência e refinamento". O novo motor do LS tem potência de 416 cv e torque de 61 kgfm, o que representa ganhos em relação ao modelo atual com motor V8 naturalmente aspirado de 4,6 litros que desenvolve 386 cv e torque de 51 kgfm.

Divulgação
Cuidado especial com o espaço interno: tecnologia e mimos como assentos com aquecimento localizado e 28 modos de ajuste diferentes (foto: Divulgação)
O Novo LS 2018 será oferecido também com versão híbrida, que adota abordagem completamente diferente do modelo anterior. O novo sistema Multi Stage Hybrid (MSH), que estreou no LC 500h, combina o motor a gasolina V6 de 3,5 litros Atkinson, agora naturalmente aspirado com dois motores elétricos, e usa uma bateria compacta e leve de lítio-íon. O sistema, segundo o fabricante, garante um amplo torque em toda a faixa de velocidade do motor, capaz de gerar 359 cv de potência e permite ao LS 500h acelerar de zero a 100 km/h em 5,1 s. O MSH amplia a capacidade da assistência elétrica em velocidades mais baixas do veículo e permite que o motor a gasolina se mantenha desligado para distâncias curtas a velocidades de até 140 km/h.

A Lexus ressalta o cuidado especial dedicado ao luxo e conforto interno da nova edição do LS. Suga, o chefe de design do projeto, explica que o novo padrão do LS vai além de adicionar recursos e tecnologia. "Espero que, ao abrir a porta, você experimente uma sensação imediata e intuitiva de estar olhando para um interior que é diferente de qualquer carro de luxo", diz.

Os assentos dianteiros contam agora com 28 modos de ajuste diferentes - aquecimento e massagem estão incluídos. Além disso, a função de aquecimento no assento traseiro também é inédita no mundo. Dois aquecedores dedicados, localizados no ombro e na parte inferior das costas, aquecem essas áreas específicas, evitando assim o incômodo que os sistemas tradicionais geram ao levar calor para o corpo inteiro.

Divulgação
(foto: Divulgação)
Como parte do Pacote Executivo, os assentos elétricos dianteiro e traseiro oferecem massagem shiatsu e mais espaço para as pernas do que qualquer LS anterior (8,6 cm a mais do que a última geração). Além disso, o assento atrás do passageiro dianteiro pode ser reclinado até 48 graus (maior ângulo no segmento) e pode ser levantado até 24 graus para tornar mais fácil a movimentação do passageiro ao sair do veículo.

Os assentos traseiros possuem ainda função "Relaxamento" e para isso utilizam bolsas de ar integradas no encosto e na almofada do assento. Elas são infladas para aplicar pressão localizada ao corpo do ocupante, ao mesmo tempo que aplicam calor nas áreas do ombro e da parte inferior das costas. O ocupante pode selecionar entre três programas ("Relaxar", "Alongar" e "Simples") e quatro para áreas específicas ("Tronco superior", "Tronco inferior", "Ombros" e "Lombar").

Outra novidade da nova geração do LS é a suspensão pneumática com função de acesso. Ativada ao destravar as portas do carro com a chave inteligente, o modo de acesso eleva o veículo em até 30 mm e amplia o assento do banco para receber o motorista. O Lexus LS 2018 estará à venda no Brasil a partir do segundo trimestre do ano que vem. Nos Estados Unidos, ele será comercializado a partir de fevereiro, com preços a partir de 75 mil dólares.

Lexus LS 500 - 2018

Motor: V-6 3,5 biturbo
Combustível: Gasolina
Potência e torque: 421 cv e 61,2 kgfm
Câmbio: Automático, 10 velocidades
Comprimento: 5,23 m
Distância entre eixos: 3,12 m
Tração: Traseira (Integral opcional)
Número de lugares: 5
Porta-malas: 480 L (sem ar condicionado traseiro)
Tanque: 82 L
Autonomia máxima: 802 km
Peso: 2.155 kg com suspensão a ar e tração traseira
Preço: Não definido (a partir de US$ 75 mil nos EUA)

Últimas notícias

Comentários