Publicidade

Estado de Minas GASTRONOMIA

Praça da Savassi recebe a 3ª edição do Made in Minas Gerais

Festa reúne gastronomia, música e produtos mineiros no coração de uma das regiões mais badaladas da cidade


postado em 17/05/2023 09:52

Sábado animado: proposta é reunir o patrimônio material e imaterial do estado(foto: Nereu Jr./Divulgação)
Sábado animado: proposta é reunir o patrimônio material e imaterial do estado (foto: Nereu Jr./Divulgação)
Dar uma volta por todo o estado sem sair da Savassi. Essa é a proposta do Made in Minas Gerais, idealizado pelo diretor de desenvolvimento cultural Jordane Macedo. O evento, que será realizado no dia 21 de maio, chega a sua terceira edição em 2023. A proposta é reunir o patrimônio material e imaterial do estado, com exposição de restaurantes, artistas e produtores de Belo Horizonte, Tiradentes, Diamantina, Itabirito, Montes Claros, Pimenta e Serra da Canastra. Na mostra, o público é orientado pelos pontos cardeais, saindo do cruzamento entre as avenidas Cristóvão Colombo e Getúlio Vargas, e encontrando, em cada polo, os chefs e produtores que fazem a gastronomia dos quatro cantos do estado. "Da praça para a Avenida do Contorno é a região Sul, então trazemos quem produz nessa região de Minas. Do outro lado é o Norte, e trazemos quem é do Norte mineiro", explica Jordane. "A ideia é que as pessoas viagem por Minas no coração da capital."

Na área destinada à região Sul, o público encontrará delícias como o sanduíche de barriga de porco empanada, do Angabar, de Tiradentes. No Leste, uma das atrações é o croquete de carne com molho de pequi, do restaurante O Relicário, de Diamantina. Já na região Oeste, haverá um circuito da Serra da Canastra. No Norte, não poderia faltar a carne de sol com mandioca na manteiga de garrafa, feita pelo restaurante Flor do Cerrado, de Montes Claros. No centro, os restaurantes Casa Cheia e Nuúu representam a culinária belo-horizontina.

Jordane Macedo, diretor de desenvolvimento cultural do Made in Minas:
Jordane Macedo, diretor de desenvolvimento cultural do Made in Minas: "A ideia é que as pessoas viagem por Minas no coração da capital" (foto: Nereu Jr./Divulgação)
Para refrescar os participantes, a Krug Bier é a marca oficial do Made in Minas Gerais e terá um rótulo fabricado especialmente para a edição. Quem não dispensa uma cachacinha também poderá aproveitar o rótulo especial desenvolvido pela Prazer de Minas. DJs e bandas animam a festa enquanto o público se delicia com a culinária mineira. As bandas Nolli Brothers e a Orquestra Mineira de Viola Caipira estão entre as atrações. A entrada é gratuita, com retirada de ingresso pelo Sympla. O público poderá contribuir com 1 quilo de alimento não perecível que será doado para o Instituto Adotar.

O Made in Minas conta ainda com uma ação  social chamada "Um trem no trem". "Construímos uma cozinha no interior de um trenzinho", conta Jordane. Os produtores vão capacitar uma pessoa em busca de trabalho e emprestar a ferramenta, cobrando uma taxa social, para que sirva como geração de renda. O evento realiza também a compensação pelo gás carbônico produzido em todas as etapas da realização. "Se vem um chef de Montes Claros, por exemplo, calculamos a emissão de carbono e compramos a compensação", explica o idealizador. A mesma lógica serve para caminhões e geradores. "É um evento sustentável."

Made in Minas Gerais
Data: 21 de maio, das 10h às 19h
Local: Praça da Savassi (cruzamento entre as avenidas Cristóvão Colombo e Getúlio Vargas)

Os comentários não representam a opinião da revista e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade