Nova moda é a cirurgia plástica no umbigo

Pacientes reclamam da aparência e da protuberância dessa parte do corpo

por Da redação com assessorias 28/02/2018 13:55

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Instagram/emrata/Reprodução
O umbigo da modelo americana Emily Ratajkowski é um dos mais pedidos nos consultórios de cirurgiões plásticos, segundo os jornais britânicos Daily Mail e The Guardian (foto: Instagram/emrata/Reprodução)
Matérias publicadas nos jornais britânicos Daily Mail e The Guardian estão chamando a atenção para o suposto crescimento no número de cirurgias estéticas no umbigo. A plástica curiosa teria como objetivo deixar essa parte do corpo "esteticamente aceitável".

Ainda de acordo com os periódicos, os umbigos mais pedidos do momento seriam o da modelo americana Emily Ratajkowski e o da cantora e atriz Jessica Simpson.

Quem confirma a nova "tendência" é o cirurgião plástico Victor Lima, membro especialista da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica. Para ele, existe, mesmo, uma procura maior por cirurgias no umbigo. "Os umbigos bonitos, normalmente, são bem fechados, orientados verticalmente e sem gordura ao redor. Esse costuma ser o pedido das mulheres. Podemos dizer que cresceu 50% a procura pelo procedimento, logo antes do Verão", comenta o médico.

Segundo o especialista, existem diversas técnicas para a realização desse procedimento estético, todas visando dar um resultado mais natural e imperceptível, na medidade do possível. "Ninguém quer uma cicatriz que denuncie que foi realizada uma cirurgia plástica, então, a tendência é que as cicatrizes, agora, fiquem dentro do umbigo", diz o especialista.

Queixas mais comuns

Ainda conforme Victor Lima, as queixas que mais chegam ao consultório costumam ser de cicatrizes causadas por piercing, excesso de pele, em decorrência de muitos partos, e o famoso umbigo que fica para fora.

O cirurgião esclarece que é preciso avaliar se a projeção do umbigo para fora tem relação com uma hérnia umbilical. Caso positivo, a cirurgia para correção da hérnia deve ser realizada em conjunto com qualquer tratamento para fins estéticos.

Últimas notícias

Comentários