Buritis é um dos bairros de BH com maior concentração de academias

Região possui estabelecimentos que oferecem estilos e modalidades variadas

por Geisiane Martins 29/03/2018 15:45

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Ronaldo Dolabella/Encontro
Renata Isensee e Luiza Soares, alunas da Academia Imagem: "Em um mesmo dia consigo fazer duas modalidades de dança, musculação e abdominal" diz Renata (foto: Ronaldo Dolabella/Encontro)
Caminhar pelas ruas do Buritis significa que, em algum momento, você deparar com uma academia. Quem ganha com isso são os moradores. Também quem trabalha ou estuda por lá., já que, antes de iniciar o expediente ou estudos, muitas pessoas optam por começar o dia no maior pique. O variado leque de opções de lugares e de modalidades agrada o exigente público fitness. E de qualquer idade.

O Insane Studio Fit é voltado para aqueles que gostam de exclusividade. O proprietário Eduardo Botelho atende a turmas de até quatro alunos e garante que é o melhor jeito de conciliar um serviço de personal trainer a um custo acessível. "Nesse modelo é possível atender com qualidade alunos em um mesmo horário e dividir o valor entre eles", diz Eduardo. Ainda de acordo com ele, nesse formato, o treino é dinamizado. "Mesmo sendo em grupo, o exercício é aplicado individualmente", explica o professor.

Ronaldo Dolabella/Encontro
Eduardo Botelho, proprietário e personal do Insane Studio Fit: "O bairro possui boa estrutura para receber essa novidade. Sempre há espaço para mais uma academia, mesmo com o grande número de negócios na região" (foto: Ronaldo Dolabella/Encontro)
A  maquiadora Mariane Generoso, de 27 anos, aprova o ambiente de exercícios. "Essa exclusividade torna o espaço mais privado. Não consigo treinar em academias lotadas e que não oferecem instrutores para nos acompanhar" diz. A partir de maio, Eduardo Botelho, dono da Insane Studio Fit, avisa que será inaugurada a Insane World, também no Buritis. A estrutura será maior, com 2 mil m2, e vai abrigar modalidades para todas as idades. Entre os treinos estão: Le Parkour, calistenia, Ninja Warrior, funcional militar, e o Free Jump, que será oferecido com uma cama elástica de 50 metros de diâmetro. A nova unidade terá ainda lanchonete, serviço de berçário e um estúdio com a mesma proposta atual. "O bairro possui boa estrutura para receber essa novidade. Sempre há espaço para mais uma academia, mesmo com o grande número de negócios na região", afirma Eduardo.

Ronaldo Dolabella/Encontro
Matheus Xavier, gerente responsável pelas unidades da Academia Imagem: "Fidelizamos nossos alunos com o atendimento. Fazemos o possível, desde capacitação até acompanhamento dos nossos profissionais periodicamente" (foto: Ronaldo Dolabella/Encontro)
O mercado fitness do bairro parece, realmente, estar de vento em popa. A academia Imagem, com duas unidades no bairro, deve abrir a terceira nos próximos meses. O centro de treinamento apresenta um variado leque de atividades. Além da tradicional musculação, os espaços oferecem danças, artes marciais, pilates e natação. "Fidelizamos nossos alunos com o atendimento. Fazemos o possível, desde capacitação até acompanhamento dos nossos profissionais periodicamente. A ideia é que esse padrão de qualidade seja mantido, sem esquecer a estrutura completa que oferecemos, é claro", afirma o gerente Matheus Xavier. Além das modalidades, a academia Imagem oferece salão de beleza em uma das unidades, estacionamento com manobrista e lava a jato.

A estudante Luiza Soares, de 27 anos, que mora em Contagem, escolheu a academia pela proximidade da faculdade. "Eu precisava de um lugar que permitisse fazer longos treinos e com estrutura para eu me aprontar para a escola", explica Luiza. Já a fisioterapeuta Renata Isensee, de 35, moradora do bairro, sempre encontra tempo na carregada agenda para se exercitar. "Em um mesmo dia consigo fazer duas modalidades de dança, musculação e abdominal", diz ela, que não se afastou da vida fitness nem no período de gravidez. "Continuei com o ritmo até o final e há um mês e meio a médica me liberou para voltar aos exercícios. Retomei a rotina normalmente", afirma.

Ronaldo Dolabella/Encontro
Mariane Generoso, de 27 anos, que treina há dois no Insane Studio Fit: "Não consigo treinar em academias lotadas e que não oferecem instrutores para nos acompanhar" (foto: Ronaldo Dolabella/Encontro)
No bairro, há ainda academias com atendimento individual. É o caso da A+Personalizada, inaugurada em 2012. Em menos de um ano de funcionamento, foi preciso expandir a unidade. Hoje, há quatro endereços, três deles no Buritis e um no Coração Eucarístico. E o proprietário, Gutemberg Stenner, de 42 anos, garante que a região suporta ainda mais unidades. "O bairro é extremamente populoso, isso possibilita espaço para novos empreendimentos, não só academias, mas grandes empresas que trazem unidades para cá", explica Gutemberg. "E os funcionários acabam optando por se exercitarem aqui, muitas vezes para fugir do transito caótico da região em certos horários."

Para ele, nos últimos anos, os belo-horizontinos têm valorizado mais as atividades físicas, seja com finalidade estética, seja para melhorar o condicionamento seja apenas visando à saúde. A empresária Cristiane Gomes Faria é uma dessas pessoas. Todos os dias, às seis da manhã, já está na academia se preparando para a rotina atribulada. "Meu dia só começa quando faço exercícios. Quando não tenho tempo ou ocorre algum imprevisto que me impede de malhar, meu dia é improdutivo, não rende", diz ela, que apesar da boa forma não revela quantos anos tem. "Muitos me usam como exemplo de vitalidade e boa forma na academia", afirma ela, que treina seis vezes por semana. Pelo visto, se você quiser manter-se em forma, corra para o Buritis.

Últimas notícias

Comentários